Feltro ou camurça / Felt disease (Septobasidium sp.) em limoeiro-cravo

29 de julho de 2017

Ver ampliada

Ramos de limoeiro-cravo (Citrus limonia Osbeck cv. Cravo), Morro São Caetano, Teresópolis, Porto Alegre, RS, com feltro ou camurça

Ramos de limoeiro-cravo (Citrus limonia Osbeck cv. Cravo), Morro São Caetano, Teresópolis, Porto Alegre, RS, com feltro ou camurça



Ramos de limoeiro-cravo (Citrus limonia Osbeck cv. Cravo), Morro São Caetano, Teresópolis, Porto Alegre, RS, com feltro ou camurça



Ramos de limoeiro-cravo (Citrus limonia Osbeck cv. Cravo), Morro São Caetano, Teresópolis, Porto Alegre, RS, com feltro ou camurça



Ramos de limoeiro-cravo  (Citrus limonia Osbeck cv. Cravo), Morro São Caetano, Teresópolis, Porto Alegre, RS, com feltro ou camurça, fungo do gênero Septobasidium. Caracteriza-se por um revestimento marrom, que pode ser branco ou cinza escuro, recobrindo ramos e folhas, mas pode aparecer também em frutos. 

O fungo é semelhante a camurça, compacto, espesso, formando um tecido impermeável sobre as partes das plantas, porem facilmente removível. Sob a camada do revestimento do fungo, abrigam-se cochonilhas responsáveis pelo secamento dos ramos mais novos. O controle pode ser feito com a retirada dos galhos finos mais afetados, raspagem dos revestimentos e aplicação de inseticidas que controlem as cochonilhas. Além disso, a aplicação de fungicidas à base de cobre em mistura com óleo mineral funciona bem no controle. 

Controle do feltro/camurça: Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=aG8uOSM-HY8. Acesso em: 07 fev.2020.

Hermes Peixoto Santos Filho, Antônio Alberto Rocha Oliveira, Fernando Haddad. Controle alternativo das doenças dos Citros. EMBRAPA. Disponível em: https://ainfo.cnptia.embrapa.br/digital/bitstream/item/140105/1/Cartilha-DoencaCITROS-047-15-Hermes-Ainfo.pdf. Acesso em: 07 fev.2020.

Eng. Agr. PhD Valmir Duarte, CREA-RS 029.404 (RN 220408306-2), Professor Titular de Fitopatologista (UFRGS, aposentado), valmir@agronomicabr.com.br