ICPP 2018, Boston: Oportunidade única de novos contatos!

07/08/2018


Valmir com a estudante de doutorado Thaís Egreja, brasileira, ao lado do pôster relativo às pesquisas realizadas no Department of Plant Pathology, University of Nebraska.


Valmir, no estande da APHIS, com a Dra. Patricia de Sa Snow, brasileira, do Animal and Plant Health Inspection Service (APHIS), Riverdale, Maryland, EUA, tendo ao meio um personagem montado com pragas.


Yuliet, Valmir, Paulo Kuhnem (Biotrigo, Passo Fundo, RS) e Patrícia, no ICPP 2018. O Dr. José Maurício (EMBRAPA Trigo) aparece ao fundo ao lado do Valmir.


Dr. Samuel J. Martins, brasileiro, Postdoctoral Scientist / Lab Manager, Department of Plant Pathology and Environmental Microbiology, Pennsylvania State University, com Valmir.


Dr. Ian K. Toth (James Hutton Institute, Dundee, UNITED KINGDOM), especialista em pectobactérias da batata, com Yuliet e Valmir.


Yuliet com a Dra. Carolee T. Bull, Professor & Department Head, Department of Plant Pathology and Environmental Microbiology, Director Penn State Microbiome Center, Pennsylvania State University, USA.


Jantar na quarta-feira à noite (01 agosto 2018), sete pessoas e cinco nacionalidades...da esquerda para a direita, em pé, Wilmarié Kriel (Starke Ayres, África do Sul), Lawrence Kenyon (Word Vegetable Center, Taiwan), Lorena, Wubetu Bihon Legesse (World Vegetable Center, Mali), Eric Boa (University of Aberdeen, Aberdeen, UNITED KINGDOM), Valmir e Patrícia (abaixada).


Yuliet, Patrícia e Valmir, jantando na quinta-feira no final da tarde, Boston, MA, EUA, 02/08/2018, celebrando os resultados da participação no ICPP 2018 e agradecendo à toda equipe do Agronômica por tornar isto possível.

Os principais especialistas de todo o mundo apresentaram os mais recentes avanços e inovações no Congresso Internacional de Fitopatologia (ICPP 2018, Boston, Massachusetts, EUA, evento conjunto entre a APS (American Phytopathological Societe) e a ISPP (International Society for Plant Pathology), celebrando o progresso e definindo uma visão para garantir a saúde das plantas em uma economia global. A visão do Congresso - Uma comunidade mundial envolvida, de cientistas de saúde vegetal, que promove o conhecimento para um suprimento estável, acessível e seguro de alimentos, rações e fibras para uma população em crescimento - refletiu a posição ampla e única que a fitopatologia mantém na comunidade internacional cientistas.

As fotos ilustram alguns dos vários contatos que o Agronômica reforçou e ampliou durante este importante evento.


Veja mais notícias