Macrocybe titans: Largest Mushroom Species in the Western Hemisphere Found Growing in Novo Hamburgo, RS, Brazil
02/09/2021

Ver ampliada

Figura 1. Cogumelo gigante (Macrocybe titans), Bairro Rondônia, Novo Hamburgo, RS, 21/12/2020. Autor da foto: Vitor Hugo Sebben.


Ver ampliada

Figura 2. Cogumelo gigante (Macrocybe titans), Bairro Rondônia, Novo Hamburgo, RS, 21/12/2020. Autor da foto: Vitor Hugo Sebben.


Ver ampliada

Figura 3. Cogumelo gigante (Macrocybe titans), Bairro Rondônia, Novo Hamburgo, RS, 21/12/2020. Autor da foto: Vitor Hugo Sebben.


Ver ampliada

Figura 4. Cogumelo gigante (Macrocybe titans), Bairro Rondônia, Novo Hamburgo, RS, 21/12/2020. Autor da foto: Vitor Hugo Sebben.


Ver ampliada

Figura 5. Cogumelo gigante (Macrocybe titans), Bairro Rondônia, Novo Hamburgo, RS, 21/12/2020. Autor da foto: Vitor Hugo Sebben.


Ver ampliada

Figura 6. Cogumelo gigante (Macrocybe titans), Bairro Rondônia, Novo Hamburgo, RS, 21/12/2020. Autor da foto: Vitor Hugo Sebben.


Ver ampliada

Figura 7. Goiabeira (Psidium guayava) em gramado, local onde foi encontrado cogumelo gigante (Macrocybe titans), Bairro Rondônia, Novo Hamburgo, RS, 21/12/2020. Autor da foto: Vitor Hugo Sebben.



Cogumelo gigante (Macrocybe titans [Basidiomycota > Agaricales > Tricholomataceae > Macrocybe]), Bairro Rondônia, Novo Hamburgo, RS, 21/12/2020, pelo Sr. Vitor Hugo Sebben.

A identificação foi confirmada pelo Biól. Dr. Elisandro Ricardo Drechsler dos Santos, Laboratório de Micologia, UFSC, Coordenador do MIND.Funga, baseada nas imagens que disponibilizamos.

Essa espécie pode chegar a um metro de diâmetro. O crescimento dura cerca de um mês e é comestível (DeLong and Brewer, 2019; TV Gazeta, 2019). O cogumelo Macrocybe titans é uma espécie considerada comestível (Calonge et al., 2007; Silva, 2017).

Ecologia: Aparentemente saprófita; cresce sozinho ou, mais freqüentemente, gregário ou em grupos soltos em áreas gramadas ou arenosas, ou em solo perturbado por paisagismo (geralmente no ano após a perturbação do solo) - ou a partir de colônias de formigas; outono e inverno (Kuo, 2020). O espécime desta publicação frutificou no início do verão.

Macrocybe titans foi descrito em 1980, a partir de material da Flórida, como Tricholoma titans. Em 1981, foi novamente descrito no México como Tricholoma cystidiosum, que foi renomeado em 1985 como T. cifuentesii, e sinonimizado com T. titans em 1990. Só em 1998, é que foi criado o gênero Macrocybe (pertencente à ordem Agaricales, família Tricholomatacea) por Pegler e colaboradores. É um cogumelo pantropical, não ectomicorrízico, também conhecido da Costa Rica, Porto Rico, Venezuela, Equador e Martinica (Amazonas, 2005).

Características microscópicas: esporos 5–7 x 4–5 µm; amplamente elipsóide; suave; hialina em KOH; inamilóide. Trama lamelar paralelo. Basidia 4-sterigmate; 30–35 x 5–8 µm; clavate. Pseudocistídios espalhados nas faces das guelras, mal se projetando; a 50 x 7,5 µm; fusiforme a lageniforme, com ou sem pescoço estendido; paredes finas; com conteúdo refrativo em KOH. Cutícula do píleo (camada mais superior de hifas no píleo) é uma camada de 2–5 µm de largura. Presença de grampos de conexão (Kuo, 2020).

Embora arrancar o cogumelo não seja um crime ambiental ou prejudique significativamente o fungo, é recomendado que as pessoas deixem os cogumelos cumprirem seu ciclo de vida na natureza, sem intervir (Prefeitura Municipal de Campo Bom, 2021).

Referências

Amazonas, M. A. L. de A. 2005. Macrocybe titans (Bigelow & Kimbrough) Pegler, Lodge & Nakasone (Cogumelo Gigante). EMBRAPA. Disponível em: https://www.fungoshop.com/wp-content/uploads/2019/11/Macrocybe-titans-Cogumelo-Gigante.pdf. Acesso em: 3.Sep.2021.

Calonge, D. F.; Mata, M.; Umaña, L. Macrocybe titans, um hongo espetacular presente em la Costa Rica, América Central. Bull. Famm, v. 32, p. 21-24, 2007. Disponível em: https://digital.csic.es/handle/10261/91795

DeLong, J. & Brewer, M. T. 2019. Macrocybe titans: Largest Mushroom Species in the Western Hemisphere Found Growing in Georgia. The University of Georgia - Extension. Disponível em: https://secure.caes.uga.edu/extension/publications/files/pdf/C%201033_3.PDF. Acesso em: 2.Sep.2021.

Kuo, M. 2020. Macrocybe titans. MushroomExpert.Com. Disponível em: https://www.mushroomexpert.com/macrocybe_titans.html. Acesso em: 3.Sep.2021.

Prefeitura Municipal de Campo Bom. 2021. Exemplar da maior espécie de cogumelo do mundo é encontrado em Campo Bom. Disponível em: https://www.campobom.rs.gov.br/pt-br/exemplar-da-maior-especie-de-cogumelo-do-mundo-e-encontrado-em-campo-bom. Acesso em: 3.Sep.2021.

Silva, S. 2017. Polissacarídeos do Cogumelo Macrocybe titans: Caracterização Estrutural e Atividade Biológica Orient. Marcello Iacomini; Co-Orient. Fhernanda Ribeiro Smiderle. Disponível em: https://acervodigital.ufpr.br/bitstream/handle/1884/52939/R%20-%20D%20-%20SHAYANE%20DA%20SILVA%20.pdf?sequence=1&isAllowed=y. Acesso em: 4.Sep.2021.

TV Gazeta. 2019. Produtor rural encontra cogumelo “gigante” de 5 kg no ES.  globo.com g1. Disponível em: https://g1.globo.com/es/espirito-santo/noticia/2019/09/03/produtor-rural-encontra-cogumelo-gigante-de-5kg-no-es.ghtml. Acesso em: 2.Sep.2021.

*******

How to cite: Marchetti, M. M. 2021. Macrocybe titans: Largest Mushroom Species in the Western Hemisphere Found Growing in Novo Hamburgo, RS, Brazil. Agriporticus. Disponível em: http://www.agronomicabr.com.br/agriporticus/detalhe.aspx?id=2007. Acesso em: 02.set.2021.


Nova busca

Sobreo projeto

O AgriPorticus é uma iniciativa do Agronômica visando compartilhar os registros de ocorrências de pragas e doenças, disponibilizando imagens que auxiliem o seu reconhecimento por extensionistas e agricultores no campo.
Visite o site para maiores informações: www.agronomicabr.com.br