Gray Mold in Apple Fruits from Argentina
20/05/2020

Ver ampliada

Figura 1. Apodrecimento inicial da casca e podridão interna com aspecto aquoso, irregular e macio.


Ver ampliada

Figura 2. Crescimento cotonoso e acinzentado na superfície da casca, característico de Botrytis cinerea.


Ver ampliada

Figura 3. Podridão do pedúnculo e produção abundante de crescimento acinzentado na superfície infectada, composto por hifas, conidióforos e conídios. 


Ver ampliada

Figura 4. Conidióforos de Botrytis cinerea, compridos e estreitos, hialinos ou pigmentados ramificados irregularmente na parte superior, visualizados sob microscópio estereoscópico. 


Ver ampliada

Figura 5. Conidióforos e conídios unicelulares, hialinos ou cinzentos de formato ovóide, azulados pelo corante.


Ver ampliada

Figura 6. Ápice do conidióforo de Botrytis cinerea com grupos de conídios que se encontram presos por dentículos.


Ver ampliada

Figura 1...sem legenda.


Ver ampliada

Figura 2...sem legenda.


Ver ampliada

Figura 3...sem legenda.


Ver ampliada

Figura 4...sem legenda.


Ver ampliada

Figura 5...sem legenda.


Ver ampliada

Figura 6...sem legenda.



Botrytis cinerea, agente causal do mofo cinzento em frutos de macieira (Malus domestica), foi encontrado na região do pedúnculo de frutos provenientes da Argentina. O patógeno é comumente encontrado na extremidade do pedúnculo e no cálice dos frutos. A infecção deste fungo ocorre em ferimentos nos frutos causados durante a colheita e pós colheita. Dependendo da cultivar e das condições de armazenamento, a área deteriorada mescla uma coloração de marrom clara a escura e os tecidos internos dos frutos apresentam-se com aspecto mole, irregular e aquoso.

Não é uma praga de restrição no comércio internacional.

Referências

Apolonio-Rodríguez I, Franco-Mora O, Salgado-Siclán ML, Aquino-Martínez JG.  2017. In vitro inhibition of Botrytis cinerea with extracts of wild grapevine (Vitis spp.) leaves. Revista Mexicana de Fitopatologia 35(2). DOI: 10.18781/R.MEX.FIT.1611-1.

Ellis, M.B. (1971). Dermatiaceous Hyphomycetes.

Osório, G. T., Oliveira, B. S. and Di Piero, R. M. (2013) ‘Efeito de agentes fumigantes sobre o bolor azul e o mofo cinzento em frutos de maçã’, Tropical Plant Pathology, pp. 63–67. doi: 10.1590/s1982-56762013000100010.

Simmons, E. G. and Ellis, M. B. (1972) ‘Dematiaceous Hyphomycetes’, Mycologia, p. 932. doi: 10.2307/3757955.

Valdebenito-Sanhueza, R. M. et al. (2016) ‘PROTETOR SOLAR DIMINUI A INCIDÊNCIA DAS PODRIDÕES “OLHO-D-BOI” E “BRANCA” EM MAÇÃS “FUJI STANDARD” E “PINK LADY”’, Revista Brasileira de Fruticultura, pp. 92–98. doi: 10.1590/0100-2945-263/14.

Xiao, C. L., and Kim, Y. K. 2008. Postharvest fruit rots in apples caused by Botrytis cinerea, Phacidiopycnis washingtonensis, and Sphaeropsis pyriputrescens. Online. Plant Health Progress doi:10.1094/PHP-2008-0919-01-DG.

*******

How to cite: Andrade, C. C. L.; Dalbosco, M.; Marchetti, M. M. Gray Mold in Apple Fruits from Argentina. Agriporticus. Disponível em: http://www.agronomicabr.com.br/agriporticus/detalhe.aspx?id=901. Acesso em: 20 mai.2020. (Atualize a data de acesso.)

Nova busca

Sobreo projeto

O AgriPorticus é uma iniciativa do Agronômica visando compartilhar os registros de ocorrências de pragas e doenças, disponibilizando imagens que auxiliem o seu reconhecimento por extensionistas e agricultores no campo.
Visite o site para maiores informações: www.agronomicabr.com.br