Deficiência de fósforo em plântulas de tomateiro
20/11/2018

Ver ampliada

Plântula de tomateiro mostrando sintoma de deficiência de fósforo, manchas escuras, púrpuras, na parte abaxial (em baixo) dos folíolos.


Ver ampliada

Plântula de tomateiro mostrando sintoma de deficiência de fósforo, manchas escuras, púrpuras, na parte abaxial (em baixo) dos folíolos.


Ver ampliada

Plântula de tomateiro mostrando sintoma de deficiência de fósforo, manchas escuras, púrpuras, na parte abaxial das folhas cotiledonares.



Plântulas de tomateiro, oriundas de Santa Cruz do Rio Pardo, SP, mostrando sintomas de deficiência de fósforo, manchas escuras, púrpuras, na parte abaxial (em baixo) dos folíolos.

O que causa a deficiência de fósforo em tomateiro? Baixas temperaturas do solo, que inibem sua absorção; pH do solo inadequado (acidez abaixo de 6,5 ou alcalinidade maior que 7,5), que inibe sua absorção; Deficiência no solo, o que significa que o fósforo não está disponível ou está em menor quantidade que a necessária.

As folhas de tomateiro tornam-se arroxeadas (ou roxo-avermelhadas), na maioria das vezes primeiro em suas partes inferiores e depois nos topos. Eis o porquê: quando o fósforo fica indisponível, a energia não pode ser convertida. Os açúcares se juntam, produzindo uma cor verde-escura anormal. Isto permite que os pigmentos de antocianina se desenvolvam, produzindo uma cor púrpura avermelhada. As nervuras de folhas de tomate, pecíolos e caules também podem ficar roxos. Em casos graves, a planta inteira pode adquirir uma cor arroxeada e as nervuras podem se tornar marrons. Deficiência prolongada induz folhas cinza-azuladas.

*******

How to cite: Duarte, V. Deficiência de fósforo em plântulas de tomateiro. Agriporticus. Disponível em: http://www.agronomicabr.com.br/agriporticus/detalhe.aspx?id=802. Acesso em: 20 nov.2018. (Atualize a data de acesso)

Nova busca

Sobreo projeto

O AgriPorticus é um projeto do Agronômica, laboratório de diagnóstico fitossanitário, de iniciativa privada, credenciado pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.
Visite o site para maiores informações: www.agronomicabr.com.br